sexta-feira, novembro 11, 2005

Vai um café!!!

Nunca te esqueças do pote de vidro Quando a tua vida parece um caos e as 24 horas por dia parecem não chegar, lembra-te do pote de vidro e do café! Na sala de aula o professor de filosofia estava de pé com alguns objectos em cima da secretária.Quando a aula começou ele, calado, pegou num frasco grande de vidro vazio e começou a enche-lo com bolas de golfe.Quando não cabiam mais ele perguntou aos alunos se achavam que o frasco estava cheio. Todos responderam que sim O professor então pegou num saco de feijões secos e ao chocalhar o frasco estes iam entrando para os buracos vazios entre as bolas de golfe. Quando não cabiam mais ele perguntou aos alunos se achavam que o frasco estava cheio. Todos responderam que sim Neste ponto o professor despejou um saco de areia para dentro do frasco. Como é óbvio a areia ocupou todo o espaço restante do frasco.Quando não cabiam mais ele perguntou aos alunos se achavam que o frasco estava cheio. Todos responderam que sim Foi então que o professor agarrou em dois copos de café e os entornou lá para dentro. Agora sim não havia mais espaço!!Os alunos desataram a rir!!! "Agora," disse o professor enquanto as gargalhadas ainda se ouviam, " Eu quero que vocês reconheçam que este frasco representa a organização da vossa vida". - "As bolas de Golf são as coisas mais importantes - Deus; a família; os filhos; a saúde; os amigos e tudo o que vos éMais querido de modo a que se tudo na vida desaparecesse e só ficassem elas, a vossa vida continuava cheia!"- "Os feijões são as outras coisas importantes da vida: o trabalho; a casa; o carro;"- "A areia é tudo o resto das coisinhas pequeninas."Se encherem primeiro o frasco com a areia . já não há espaço para o feijão nem as bolas de golfe. O mesmo se passa com a vida. Se gastarem todo o tempo e a vossa energia com as pequenas coisas nunca vão ter espaço para as coisas que são verdadeiramente importantes para vocês. Prestem atenção ás coisas que são essenciais à vossa felicidade. Brinquem com as crianças. Tirem tempo para ir ao médico talvez fazer um check-up. Saiam para um jantar romântico. Vai haver sempre tempo para arrumar a casa, para despachar um trabalho que só falta um bocadinho. Tomem conta das vossas bolas de golfe primeiro e das coisas que têm mesmo importância. Tenham prioridades. Para o resto vai sempre haver espaço. Não encham o vosso frasco com a areia primeiro pois as bolas de golfe não vão caber no fim. Um perguntou: - E o café o que é ? - Ainda bem que perguntas, eu ia agora mesmo vos dizer. É que mesmo que sintam que a vossa vida está cheia, há sempre espaço para beber um café com um amigo!!

quinta-feira, janeiro 06, 2005

Salto de trenó

Experimentem este jogo, consiste em saltar de uma rampa com um trenó!!! ;)

Jogo

quarta-feira, janeiro 05, 2005

Xiao Xiao nº3

os filmes do xiao xiao são clássico na net
cliquem em watch this movie

Mamute

Nova versão do mamute

versão tecno do já famoso flash do mamute


terça-feira, janeiro 04, 2005


dimebag Posted by Hello
Guitarrista dos PANTERA RIP

quinta-feira, dezembro 23, 2004

Sub-Mundo

"Não se pode ter confiança no futuro! Assim se pensa nos dias que passam. Pareçe que os ventos, atormentam quem deles querem fugir. Nunca tal foi permitido, que sonhos e pensamentos nos sejam bloqueados como as barragems geram as lagoas de agua cristalina. Sejam bem vindos ao Sub-Mundo, temos que nos anuir e comtemplar a nossa fraqueza"

Feliz Natal

Mais uma vez, estamos perante um Natal, onde a solidariedade e a felicidade se mistura, nada mais bonito se não fosse completamente falso. Vivemos numa sociedade onde todos andamos ao sabor do vento, da necessidade de seguir trilhos que se foram criando ao longo dos tempos, trilhos esses que levam ao puro endividamento das famílias. Compras, donações, boas vontades cobertas por obrigações (se rima é porque é verdade). Cada dia que passa sinto que o bombardeamento exaustivo das marcas e serviços existentes, leva ao descontrolo orçamental de cada um de nós, porem mesmo sabendo que isso é um risco muitos de nós, atravessam esta quadra indiferentes às consequênçias. Esta epóca natalícia que seria em outros tempos a comemoração do nascimento do menino Jesus, mas não passa nos nossos dias, da vinda do "Pai Natal" o senhor do comsumismo